arco del triunfo arco del triunfo zaha hadid  
bali cóctel barcelona   zaha hadid hotel berlin
bali   metro munich
bali

Viagens Berlim


Turismo Alemanha

Alemanha é um país de infinitas e incríveis possibilidades que abre as suas portas a todo aquele que sabe desfrutar. Um lugar onde a obra da natureza se funde com a pegada que deixa a mão do homem. Visita este país onde encontrarás castelos, bosques, cidades históricas e monumentos. Ficarás encantado com as suas ruas cuidadas e limpas, cheias de flores e a sua rica gastronomia. Os enigmas ocultos atrás da Selva Negra contrastam com o encanto dos povos tradicionais e com a intensa actividade das cidades mais modernas. Aí poderás encontrar originais tecidos da Baviera e os mais diversos instrumentos musicais. Alemanha conta com vinte cidades povos que são reconhecidas pela UNESCO como Património da Humanidade, estas são Weimar, Dessau, Jena, Goslar, Eisleben, Erfurt, Wittenberg, Messel, Lorsch, Bamberg, Würzburg, Lübeck, Colónia, Brühl, Völklingen, Hildesheim, Postdam, Aachen, Maulbronn e Speyer. Alemanha está cheia de vida.

Turismo Berlim

Berlim: onde antes havia lástima pela visão de uma cidade dividida, existe agora uma aberta admiração pelo que pode conseguir um país. A cultura, as finanças, a moda e inclusive a vida nocturna têm em Berlim uma das suas grandes referências. Esta grande cidade, de quatro milhões de habitantes vive a um ritmo frenético; por isso os viajantes aproveitam qualquer época do ano para descobir a que logo se converte numa das suas cidades preferidas.


O que visitar em Berlim

Estes são os 10 lugares que não deves deixar de visitar durante um fim de semana em Berlim:

1. O Reichstag (Aberto de quarta a sexta das 10h às 18h, ao sábado das 11h às 20h, ao domingo das 11h às 18 h). O Reichstag é um dos monumentos mais visitados de Berlim, convém ir muito cedo pela manhã ou à última hora já que as filas são muito longas. Actualmente é a sede do Parlamento Alemão ou Bundestag. Em 1999 o Reichstag foi reabilitado pela mão do arquitecto Sr Norman Foster colocando uma cúpula de cristal em cima do edifício e que permite ter uma grande vista da cidade. Desde o Reichtag até o centro da zona Este, extende-se o parque de Tiergarten, ideal para todos aqueles que queiram desfrutar do melhor de Berlim.

2. A porta de Brandeburgo (Aberta de quarta a sexta das 10 às 18 h Ao sábado das 11 às 20 h Ao domingo das 11 às 18 h) Berlim esteve durante séculos circunvalada por muralhas, estas muralhas tinham 13 portas para entrar na cidade. A parte de manter segura a cidade servia para controlar o fluxo de habitantes e cobrar impostos. Na actualidade só resta a porta de Brandeburgo construída em 1789 em estilo classicista. A Porta está decorada com uma quadriga levada pela Deusa Eirene e com figuras que mostram a paz. Num dos lados da porta encontra-se o Memorial às vítimas do Holocausto.

3. A Pariser Platz, é o começo da avenida Unter den Linden, onde se situam importantes edifícios como: Deutsche Guggenheim, a biblioteca Central e a Universidade Humbolt. O Historisches Museum (10:00 às 18:00), também sobre a avenida, aloja-se num edifício, obra de I.M.Pei, e mostra a história da cidade.

4. O Checkpoint Charlie, Muro de Berlim e Museu do Muro. (Aberto de Quarta a Sexta das 10 às 18h O Sábado das 11 às 20h, Domingo das 11 às 18h) Por este nome conhecia-se a passagem da fronteira entre a zona soviética e a zona ocidental. O Muro foi construído a partir de 13 de Agosto de 1961, e as últimas melhoras realizaram-se em 1975. O Muro de Berlim (em alemão Berliner Mauer) tinha uma longitude de mais de 144 km e foi destruido até 9 de Novembro de 1989. Embora ainda hajam uns troços de muro por toda a cidade, no museu do muro conservam-se várias partes que se somam a uma explicação da vida em Berlim dividida.

5. A Torre de Televisão de Berlim. (Março a Outubro das 9 às 24, Novembro a Fevereiro das 10 às 24. 7,5€). A Torre de Televisão é um dos edifícios mais altos da Europa com 368 metros de altura. Inaugurada em 1969, a Torre é o símbolo da cidade. A 200 m. encontra-se um restaurante giratório e um miradouro com as melhores vistas de Berlim.

6. Museu de Pérgamo (Aberto de Quarta a Domingo das 10 às 18 h). O Museu mais visitado de Berlim. A razão é bem simples tem as melhores colecções do Próximo Oriente e de arte islâmica, unido a tesouros arqueológicos. O mais destacado é o altar de Pérgamo e a porta de Ishtar.

7. Altes Museum (Aberto de Segunda a Domingo das 10 às 18 h) O Museu Antigo encontra-se na ilha dos museus e é património da humanidade pela UNESCO desde 1999. O edifício é obra do arquitecto Karl Friedrich Schinkel e foi construído em 1830. A colecção desta está formada por jóias antigas e toda classe de objectos da Antiga Grécia, a peça mais famosa é o busto de Nefertiti.

8. Nova Galeria. (Aberto a cada dia do ano das 9 às 22 h ) Na Galeria Nacional expõem-se obras do cubismo, surrealismo, expressionismo alemão... As principais obras aqui expostas são de Kirchner, Klee, Dix, e dos espanhóis Dalí, Mirò e Picasso. O edifício foi construído por Mies van der Rohe.

9. Postdamer Platz e Sony Center. É um lugar com muitas histórias para contar; aqui se instalou o primeiro semáforo de toda a Alemanha no ano 1924 e quando a divisão ficou totalmente segmentada pelo muro. Actualmente, a zona é um mito arquitéctonico, que reúne edifícios de afamados arquitectos, como: o DaymlerCity, Beisheim Center e Helmut Jahn. O edificio mais conhecido é o Sony Center, ponto de encontro para os berlineses. Ao sair da praça econtraremos o Schloossbrucke, que marca o começo da avenida Under den Linden. Um formoso passeio por edifícios históricos e maravilhas arquitectónicas que se extendem até a Ilha dos Museus.

10. O Bairro Judeu de Berlim, desenvolve-se nos arredores da rua Oranienburg. Aqui poderemos visitar: a Sinagoga, construída em estilo bizantino; o velho Cemitério Judeu, onde se encontra a tumba de Moshe Mendelsohn; a Praça de Babel, onde foram queimados os livros em 1933; e o “Monumento à Biblioteca Vazia” obra do israelíta Micha Ulman.


Restaurantes. Onde comer em Berlim

Em Berlim, abundam os restaurantes com a comida popular alemã, salsichas, porco assado ou pato assado com batatas e chucrut; neste caso a nossa recomendação é o Joe’s Wirthaus Zum Lowen (Hardenbergstr, 29). Nesta cidade é melhor optar pelos restaurantes de cozinhas internacionais entre os quais recomendamos: Jules Verne (Schluterstrabe 61), Defne (Planufer 92c, Kreuzberg), Gugelhof (Knaackstrabe 37), I Due Forni (Schonhauser Allee 12), Kuchi (Gippstrabe 3), Monsieur Vuong (Alte Schonhauser Strase 46), Noi Quattro (Strausberger platz 2) e Zoe (Rochstrabe, I).

Vida Nocturna Berlim

Na zona Este encontra-se muitos bares e discotecas para todos os gostos, lhes recomendamos os da rua Oranienburger e o bairro de Kreuzberg. Para os amantes de tecno a rua Prenzlauer Berg e a esquina LSD (entre Lychener, Schilienmann e Dunckerstrasse) são ideais. Para os que querem reunir-se numa esplanada com um cocktail ou um café devem ir ao bairro de Friedrichshain ou ao Sony Center.

Compras em Berlim

Para uma tarde de compras entre lojas e descanso em cafés te recomendamos o bairro de Mitte entre Under den Linden e a ilha dos Museus. Berlim é uma meca das lojas de desenho e roupa vintage deves buscar nas ruas Oranientrasse, Bergmanntrasse e Kreuzberg. Para comprar objectos de desenho vanguardista e arte lhe recomendamos um passeio por Prenzlauer Berg.

 

Prepara a tua viagem a Berlim:

 



















Copyright 2008 by TyM Viajeros S.L. - A travel media company.